domingo, 29 de maio de 2011

KIT GAY ESTARÁ NAS ESCOLAS ATÉ O FIM DO ANO



  
 
PSDB e PT estão fazendo jogo com a doutrinação homossexual de nossas crianças?

Julio Severo

Com as pressões dos católicos e evangélicos no Congresso Nacional por causa do infame kit gay, Dilma Rousseff disse o que todos queriam ouvir: "Não aceito propaganda de opções sexuais".

Embora muitos tivessem interpretado tal declaração como "recuo", o ministro da Educação viu de outra forma. De acordo com a revista Veja: "O ministro da Educação, Fernando Haddad, afirmou que o controverso kit anti-homofobia será reformulado e enviado a professores da rede pública de ensino até o fim deste ano".

Dilma manda e ministro desobedece? Claro que não.

O ministro não faria nada para desafiar sua chefe, pois há razões mais que suficientes para demiti-lo. A TV Record, em reportagem recente, noticiou o escândalo envolvendo os milhões que o MEC deu para a ABGLT, a maior organização homossexual do Brasil, para a elaboração do kit gay. Quando o assunto é doutrinar NOSSOS filhos no homossexualismo, o governo não vê nada de imoral e antiético, inclusive entregar à tarefa aos próprios militantes gays.

Outra ONG contemplada pela bondade do MEC foi a ECOS, que anos atrás publicava para os alunos de escola de São Paulo o boletim "Transa Legal". A proposta, é evidente, não tinha nada a ver com "Casamento Legal". ECOS, como ONG inspirada e até financiada por organizações americanas de desconstrução ética e sexual, só valoriza o sexo livre.

Em sua missão de doutrinar as nossas crianças nas maravilhas do sexo livre, ECOS se depara com todo tipo de "generosidade". Se seus integrantes precisam participar de seminários e treinamentos nacionais e internacionais, o currículo de ECOS mostra que as empresas áreas fazem questão de doar bondosamente caras passagens aéreas para os profissionais do sexo infantil.

Para quem acha que só a esquerda do PT está danificando o Brasil, ECOS sempre agiu em São Paulo que, em grande parte, é quintal do PSDB.

A esquerda do PSDB tem tanto interesse na danificação sexual das crianças do Brasil quanto a esquerda do PT.

Com a encenação de recuo de Dilma no episódio do kit gay, o Diversidade Tucana, a ala homossexual do PSDB, estásolicitando ao Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) que tome providências, junto ao Ministério Público Federal (MPF), quanto à suspensão do kit gay. O Diversidade Tucana, se alinhando com os interesses de seus colegas petistas homossexualistas, defende "a importância do material e da abordagem educativa".

Na verdade, só estão fazendo jogo, pois quando o ministro da Educação disse que "o controverso kit anti-homofobia será reformulado e enviado a professores da rede pública de ensino até o fim deste ano", ele não prometeu a ninguém que o kit modificado estará melhor do que a versão atual. Pelo contrário, poderá estar muito pior.


No que se refere às crianças nas escolas, a esquerda, seja do PT ou do PSDB, não confia nos pais e não abre mão de seu "direito" de doutrinar os alunos de escola.

Então por que os pais deveriam abrir mão de seu legítimo direito de educar seus filhos? Por que eles deveriam entregar a educação de seus filhos nas mãos do PT e PSDB?

Fonte: www.juliosevero.com
Postar um comentário