segunda-feira, 29 de dezembro de 2008

SEGUINDO O EXEMPLO DE CRISTO

(I Corintios 11:1) - Sede meus imitadores, como também eu sou de Cristo. 
O CRENTE, COM PAULO, É CHAMADO PARA SEGUIR O EXEMPLO DE CRISTO E TORNAR-SE SEMELHANTE A ELE.
(Romanos 13:13-14) Andemos honestamente, como de dia; não em glutonarias, nem em bebedeiras, nem em desonestidades, nem em dissoluções, nem em contendas e inveja. 
Mas revesti-vos do Senhor Jesus Cristo, e não tenhais cuidado da carne em suas concupiscências. 
(Gálatas 3:27) - Porque todos quantos fostes batizados em Cristo já vos revestistes de Cristo. 
EM QUE CONSISTE A NOSSA SEMELHANÇA COM CRISTO?
1)Semelhança com Cristo é, antes de tudo, amar a Deus e ao próximo.
(Mateus 22:37-39) E Jesus disse-lhe: Amarás o Senhor teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todo o teu pensamento. Este é o primeiro e grande mandamento. 
 E o segundo, semelhante a este, é: Amarás o teu próximo como a ti mesmo. 
1.a- O amor do crente por Deus motiva e dirige o seu amor o seu amor pelo próximo.
(I João 4:20-21) Se alguém diz: Eu amo a Deus, e odeia a seu irmão, é mentiroso. Pois quem não ama a seu irmão, ao qual viu, como pode amar a Deus, a quem não viu? 
 E dele temos este mandamento: que quem ama a Deus, ame também a seu irmão. 
1.b- Assim como o amor de Cristo pelo Pai estava sempre acima de tudo. Seu amor ao ser humano tinha base e dependência nesse amor.
(João 17:23-24) Eu neles, e tu em mim, para que eles sejam perfeitos em unidade, e para que o mundo conheça que tu me enviaste a mim, e que os tens amado a eles como me tens amado a mim. Pai, aqueles que me deste quero que, onde eu estiver, também eles estejam comigo, para que vejam a minha glória que me deste; porque tu me amaste antes da fundação do mundo. 
2) O amor de Cristo pelo Pai é visto no zelo:
2.1- Pela Glória de Deus.
(Mateus 6:9-10) Portanto, vós orareis assim: Pai nosso, que estás nos céus, santificado seja o teu nome; Venha o teu reino, seja feita a tua vontade, assim na terra como no céu; 
(João 12:28) - Pai, glorifica o teu nome. Então veio uma voz do céu que dizia: Já o tenho glorificado, e outra vez o glorificarei. 
(João 17:4) - Eu glorifiquei-te na terra, tendo consumado a obra que me deste a fazer. 
2.2- Pela vontade Deus.
(Mateus 26:42) - E, indo segunda vez, orou, dizendo: Pai meu, se este cálice não pode passar de mim sem eu o beber, faça-se a tua vontade. 
(João 4:34) - Jesus disse-lhes: A minha comida é fazer a vontade daquele que me enviou, e realizar a sua obra. 
(Hebreus 10:7-12) Então disse: Eis aqui venho (No princípio do livro está escrito de mim), Para fazer, ó Deus, a tua vontade. Como acima diz: Sacrifício e oferta, e holocaustos e oblações pelo pecado não quiseste, nem te agradaram (os quais se oferecem segundo a lei). Então disse: Eis aqui venho, para fazer, ó Deus, a tua vontade. Tira o primeiro, para estabelecer o segundo. 
 Na qual vontade temos sido santificados pela oblação do corpo de Jesus Cristo, feita uma vez. 
 E assim todo o sacerdote aparece cada dia, ministrando e oferecendo muitas vezes os mesmos sacrifícios, que nunca podem tirar os pecados; Mas este, havendo oferecido para sempre um único sacrifício pelos pecados, está assentado à destra de Deus, 
2.3- Pela palavra de Deus.
(Mateus 26:54) - Como, pois, se cumpririam as Escrituras, que dizem que assim convém que aconteça? 
(João 8:28) - Disse-lhes, pois, Jesus: Quando levantardes o Filho do homem, então conhecereis quem eu sou, e que nada faço por mim mesmo; mas falo como meu Pai me ensinou. 
(João 17:14) - Dei-lhes a tua palavra, e o mundo os odiou, porque não são do mundo, assim como eu não sou do mundo. 
(João 17:17) - Santifica-os na tua verdade; a tua palavra é a verdade. 
2.4- Pela comunhão íntima com Deus.
(Lucas 5:16) - Ele, porém, retirava-se para os desertos, e ali orava. 
(João 17:21) - Para que todos sejam um, como tu, ó Pai, o és em mim, e eu em ti; que também eles sejam um em nós, para que o mundo creia que tu me enviaste. 
2.5- Na sua fidelidade a Deus.
(Hebreus 3:1-2) POR isso, irmãos santos, participantes da vocação celestial, considerai a Jesus Cristo, apóstolo e sumo sacerdote da nossa confissão,  Sendo fiel ao que o constituiu, como também o foi Moisés em toda a sua casa. 
2.6- Na sua disposição de executar a vontade de Deus,dando sua vida pela nossa redenção.
(Marcos 14:36) - E disse: Aba, Pai, todas as coisas te são possíveis; afasta de mim este cálice; não seja, porém, o que eu quero, mas o que tu queres. 
(João 3:16-17) Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. Porque Deus enviou o seu Filho ao mundo, não para que condenasse o mundo, mas para que o mundo fosse salvo por ele. 
(Hebreus 10:4-10) Porque é impossível que o sangue dos touros e dos bodes tire os pecados. 
Por isso, entrando no mundo, diz: Sacrifício e oferta não quiseste, Mas corpo me preparaste; 
e oblações pelo pecado não te agradaram.  Então disse: Eis aqui venho (No princípio do livro está escrito de mim), Para fazer, ó Deus, a tua vontade. Como acima diz: Sacrifício e oferta, e holocaustos e oblações pelo pecado não quiseste, nem te agradaram (os quais se oferecem segundo a lei).  Então disse: Eis aqui venho, para fazer, ó Deus, a tua vontade. Tira o primeiro, para estabelecer o segundo. 
 Na qual vontade temos sido santificados pela oblação do corpo de Jesus Cristo, feita uma vez. 
2.7- O amor de Cristo pelo Pai é também revelado no seu amor a justiça e aversão ao pecado.
(Hebreus 1:9) - Amaste a justiça e odiaste a iniqüidade; por isso Deus, o teu Deus, te ungiu Com óleo de alegria mais do que a teus companheiros. 
3) O amor de Cristo pelo ser humano é visto:
3.1- Na sua compaixão demostrada.
(Mateus 9:36) - E, vendo as multidões, teve grande compaixão delas, porque andavam cansadas e desgarradas, como ovelhas que não têm pastor. 
(Mateus 14:14) - E, Jesus, saindo, viu uma grande multidão, e possuído de íntima compaixão para com ela, curou os seus enfermos. 
(Mateus 15:32) - E Jesus, chamando os seus discípulos, disse: Tenho compaixão da multidão, porque já está comigo há três dias, e não tem o que comer; e não quero despedi-la em jejum, para que não desfaleça no caminho. 
(Mateus 20:34) - Então Jesus, movido de íntima compaixão, tocou-lhes nos olhos, e logo viram; e eles o seguiram. 
3.2- Na sua bondade.
(Mateus 8:3) - E Jesus, estendendo a mão, tocou-o, dizendo: Quero; sê limpo. E logo ficou purificado da lepra. 
(Mateus 8:16) - E, chegada a tarde, trouxeram-lhe muitos endemoninhados, e ele com a sua palavra expulsou deles os espíritos, e curou todos os que estavam enfermos; 
(Mateus 8:17) - Para que se cumprisse o que fora dito pelo profeta Isaías, que diz: Ele tomou sobre si as nossas enfermidades, e levou as nossas doenças. 
(Mateus 9:22) - E Jesus, voltando-se, e vendo-a, disse: Tem ânimo, filha, a tua fé te salvou. E imediatamente a mulher ficou sã. 
3.3- Nas suas lágrimas.
(João 11:35) - Jesus chorou
3.4- Na sua humildade e mansidão.
(Mateus 11:29) - Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração; e encontrareis descanso para as vossas almas. 
3.5- Na sua beneficência.
(Atos 10:38) - Como Deus ungiu a Jesus de Nazaré com o Espírito Santo e com virtude; o qual andou fazendo bem, e curando a todos os oprimidos do diabo, porque Deus era com ele. 
3.6- No perdão.
(Lucas 23:34) - E dizia Jesus: Pai, perdoa-lhes, porque não sabem o que fazem. E, repartindo as suas vestes, lançaram sortes. 
3.7- Na sua paciência.
(Lucas 13:34) - Jerusalém, Jerusalém, que matas os profetas, e apedrejas os que te são enviados! Quantas vezes quis eu ajuntar os teus filhos, como a galinha os seus pintos debaixo das asas, e não quiseste? 
3.8- Na sua misericórdia.
(Mateus 15:22-28) E eis que uma mulher cananéia, que saíra daquelas cercanias, clamou, dizendo: Senhor, Filho de Davi, tem misericórdia de mim, que minha filha está miseravelmente endemoninhada.  Mas ele não lhe respondeu palavra. E os seus discípulos, chegando ao pé dele, rogaram-lhe, dizendo: Despede-a, que vem gritando atrás de nós.  E ele, respondendo, disse: Eu não fui enviado senão às ovelhas perdidas da casa de Israel.  Então chegou ela, e adorou-o, dizendo: Senhor, socorre-me!  Ele, porém, respondendo, disse: Não é bom pegar no pão dos filhos e deitá-lo aos cachorrinhos. E ela disse: Sim, SENHOR, mas também os cachorrinhos comem das migalhas que caem da mesa dos seus senhores.  Então respondeu Jesus, e disse-lhe: Ó mulher, grande é a tua fé! Seja isso feito para contigo como tu desejas. E desde aquela hora a sua filha ficou sã.
AQUI CABE UMA INDAGAÇÃO PORQUE JESUS HESITOU EM AJUDAR A MULHER?
JESUS NÃO ESTAVA OBRIGANDO A MULHER GENTIA A SUPLICAR, MAS TALVEZ ESTIVESSE  SONDANDO A PROFUNDIDADE DA SUA FÉ NO DEUS DE ISRAEL. OUTRA POSSIBILIDADE É QUE QUERIA DAR AOS SEUS DISCÍPULOS UMA LIÇÃO ACERCA DO AMOR UNIVERSAL DEUS. A PERSISTÊNCIA DA MULHER QUE ELA VIU ALGO EM JESUS QUE A INCENTIVOU A CONTINUAR PEDINDO-TALVEZ UM PISCAR DE OLHOS OU O CALOR DA SUA VOZ. O USO DA PALAVRA CACHORRINHOS,COMUMENTE APLICADA PELOS JUDEUS AOS GENTIOS,TALVEZ TENHA SIDO SARCÁSTICO-A MANEIRA QUE ENCONTROU DE MOSTRAR QUE DESPREZAR OS OUTROS É ALGO ESTRANHO AO CORAÇÃO DE DEUS.( b.e.v pg 1510)
3.9- Ele também demostrou amor ao reprovar o pecado.
(João 8:34-47) - Respondeu-lhes Jesus: Em verdade, em verdade vos digo que todo aquele que comete pecado é servo do pecado.  Ora o servo não fica para sempre em casa; o Filho fica para sempre.  Se, pois, o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres.  Bem sei que sois descendência de Abraão; contudo, procurais matar-me, porque a minha palavra não entra em vós. Eu falo do que vi junto de meu Pai, e vós fazeis o que também vistes junto de vosso pai.  Responderam, e disseram-lhe: Nosso pai é Abraão. Jesus disse-lhes: Se fôsseis filhos de Abraão, faríeis as obras de Abraão.  Mas agora procurais matar-me, a mim, homem que vos tem dito a verdade que de Deus tem ouvido; Abraão não fez isto.  Vós fazeis as obras de vosso pai. Disseram-lhe, pois: Nós não somos nascidos de prostituição; temos um Pai, que é Deus. Disse-lhes, pois, Jesus: Se Deus fosse o vosso Pai, certamente me amaríeis, pois que eu saí, e vim de Deus; não vim de mim mesmo, mas ele me enviou.  Por que não entendeis a minha linguagem? Por não poderdes ouvir a minha palavra.  Vós tendes por pai ao diabo, e quereis satisfazer os desejos de vosso pai. Ele foi homicida desde o princípio, e não se firmou na verdade, porque não há verdade nele. Quando ele profere mentira, fala do que lhe é próprio, porque é mentiroso, e pai da mentira.  Mas, porque vos digo a verdade, não me credes.  Quem dentre vós me convence de pecado? E se vos digo a verdade, por que não credes?  Quem é de Deus escuta as palavras de Deus; por isso vós não as escutais, porque não sois de Deus. 
3.10- Ao manifestar sua indignação aos cruéis,desumanos, insensíveis aos sofrimentos e as necessidades dos outros.
(Marcos 3:1-6) E OUTRA vez entrou na sinagoga, e estava ali um homem que tinha uma das mãos mirrada.  E estavam observando-o se curaria no sábado, para o acusarem.  E disse ao homem que tinha a mão mirrada: Levanta-te e vem para o meio.  E perguntou-lhes: É lícito no sábado fazer bem, ou fazer mal? salvar a vida, ou matar? E eles calaram-se.  E, olhando para eles em redor com indignação, condoendo-se da dureza do seu coração, disse ao homem: Estende a tua mão. E ele a estendeu, e foi-lhe restituída a sua mão, sã como a outra. E, tendo saído os fariseus, tomaram logo conselho com os herodianos contra ele, procurando ver como o matariam. 
AQUI CABE MAIS UMA REREFLEXÃO.
O CRENTE QUE SENTIR INDIGNAÇÃO CONTRA OS PECADOS DA SUA GERAÇÃO MOSTRA QUE ESTÁ AO LADO DE DEUS CONTRA O MAL A BÍBLIA AINDA NOS DIZ:
(Salmos 94:16) - Quem será por mim contra os malfeitores? Quem se porá por mim contra os que praticam a iniqüidade? 
(Êxodo 32:19-20) E aconteceu que, chegando Moisés ao arraial, e vendo o bezerro e as danças, acendeu-se-lhe o furor, e arremessou as tábuas das suas mãos, e quebrou-as ao pé do monte;  E tomou o bezerro que tinham feito, e queimou-o no fogo, moendo-o até que se tornou em pó; e o espargiu sobre as águas, e deu-o a beber aos filhos de Israel. 
(Atos 17:16-17) E, enquanto Paulo os esperava em Atenas, o seu espírito se comovia em si mesmo, vendo a cidade tão entregue à idolatria. De sorte que disputava na sinagoga com os judeus e religiosos, e todos os dias na praça com os que se apresentavam. 
3.11- Ao prevenir sobre o inferno.
(Mateus 5:29-30)Portanto, se o teu olho direito te escandalizar, arranca-o e atira-o para longe de ti; pois te é melhor que se perca um dos teus membros do que seja todo o teu corpo lançado no inferno.  E, se a tua mão direita te escandalizar, corta-a e atira-a para longe de ti, porque te é melhor que um dos teus membros se perca do que seja todo o teu corpo lançado no inferno. 
(Lucas 12:4-5) E digo-vos, amigos meus: Não temais os que matam o corpo e, depois, não têm mais que fazer.  Mas eu vos mostrarei a quem deveis temer; temei aquele que, depois de matar, tem poder para lançar no inferno; sim, vos digo, a esse temei. 
3.12- E oferecer-se como sacrifício por nós.
(João 10:11) - Eu sou o bom Pastor; o bom Pastor dá a sua vida pelas ovelhas. 
(João 10:17-18) Por isto o Pai me ama, porque dou a minha vida para tornar a tomá-la.  Ninguém ma tira de mim, mas eu de mim mesmo a dou; tenho poder para a dar, e poder para tornar a tomá-la. Este mandamento recebi de meu Pai. 
(João 13:1) - ORA, antes da festa da páscoa, sabendo Jesus que já era chegada a sua hora de passar deste mundo para o Pai, como havia amado os seus, que estavam no mundo, amou-os até o fim. 

QUE DEUS NOS FAÇA ENTENDER SUA PALAVRA E A SUA VONTADE AMÉM!!!!

Fonte: B.E.P; B.E.V; B. Hábil  Pb. Jorge G. Nascimento 

                                










sexta-feira, 26 de dezembro de 2008

COMO ESCAPAREMOS?

(Hebreus 2:1-3) PORTANTO, convém-nos atentar com mais diligência para as coisas que já temos ouvido, para que em tempo algum nos desviemos delas. 
Porque, se a palavra falada pelos anjos permaneceu firme, e toda a transgressão e desobediência recebeu a justa retribuição, 
 Como escaparemos nós, se não atentarmos para uma tão grande salvação, a qual, começando a ser anunciada pelo Senhor, foi-nos depois confirmada pelos que a ouviram; 
NO INÍCIO DESTE CAPÍTULO O APÓSTOLO DIZ QUE A SALVAÇÃO É UMA GRANDE BEM-AVENTURANÇA. E PORQUE ELA É UMA BEM-AVENTURANÇA? 

1. PORQUE EXISTE A NECESSIDADE DA SALVAÇÃO.
a)todos estão em rebelião e inimizade contra Deus. (Romanos 3:23) - Porque todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus; (Romanos 8:7-8) Porquanto a inclinação da carne é inimizade contra Deus, pois não é sujeita à lei de Deus, nem, em verdade, o pode ser. 
 Portanto, os que estão na carne não podem agradar a Deus. 
2.PORQUE EXISTE O GRANDE PERIGO QUE TODOS ENCONTRARÃO.
(Hebreus 9:27) - E, como aos homens está ordenado morrerem uma vez, vindo depois disso o juízo, 
Depois da morte, a situação é imutável. Deus porém oferece-nos a salvação.
3. ELE NOS ENVIOU O REDENTOR.
(João 3:16) - Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. 
a)DEUS vem ao nosso encontro como salvador e SENHOR
(I Timóteo 2:3-6) Porque isto é bom e agradável diante de Deus nosso Salvador, 
 Que quer que todos os homens se salvem, e venham ao conhecimento da verdade. 
 Porque há um só Deus, e um só Mediador entre Deus e os homens, Jesus Cristo homem. 
 O qual se deu a si mesmo em preço de redenção por todos, para servir de testemunho a seu tempo. 
4. O GRANDE PREÇO QUE ELE ESTABELECEU.
a)Nada pode remover o pecado a não ser o sangue de Cristo.
(Hebreus 9:22) - E quase todas as coisas, segundo a lei, se purificam com sangue; e sem derramamento de sangue não há remissão. 
(Romanos 3:25-26) Ao qual Deus propôs para propiciação pela fé no seu sangue, para demonstrar a sua justiça pela remissão dos pecados dantes cometidos, sob a paciência de Deus; 
 Para demonstração da sua justiça neste tempo presente, para que ele seja justo e justificador daquele que tem fé em Jesus. 
b) A negligência terá consequências terríveis.
(Hebreus 10:29) - De quanto maior castigo cuidais vós será julgado merecedor aquele que pisar o Filho de Deus, e tiver por profano o sangue da aliança com que foi santificado, e fizer agravo ao Espírito da graça? 
(Hebreus 12:25) - Vede que não rejeiteis ao que fala; porque, se não escaparam aqueles que rejeitaram o que na terra os advertia, muito menos nós, se nos desviarmos daquele que é dos céus; 
5. O PLENO PERDÃO QUE ESTA SALVAÇÃO OFERECE.
(Isaías 55:7-8) Deixe o ímpio o seu caminho, e o homem maligno os seus pensamentos, e se converta ao SENHOR, que se compadecerá dele; torne para o nosso Deus, porque grandioso é em perdoar. 
 Porque os meus pensamentos não são os vossos pensamentos, nem os vossos caminhos os meus caminhos, diz o SENHOR. 
Qualquer pecado é perdoado
6.A GRANDE BENÇÃO QUE SURGE DISTO
Deus não somente perdoa.Justifica,santifica e nos faz co-herdeiros de Cristo,e,por isto,estamos preparados para glória vindoura.
COMO ESCAPAREMOS NÓS,SE NEGLIGENCIARMOS UMA BEM AVENTURANÇA TÃO GRANDE?